quarta-feira, 29 de maio de 2013

ADEUS, CARROS BARULHENTOS

O Estado de Minas

Projeto na Câmara de Vereadores de Belo Horizonte-MG determina a apreensão de veículos que transitem com som alto. De janeiro a março deste ano a prefeitura recebeu em média 22 reclamações por dia por barulho e aplicou 174 multas e advertências aos infratores. A lei do Silêncio estabelece um limite de 70 decibéis (ruído de um aspirador de pó) entre 07h01 e as 19h, índice que cai para 60, das 19h01 às 22 h, 50 das 22h01 às 23h59, e 45 decibéis, entre 0h e 07h. As penalidades previstas para quem desrespeitar a legislação vão de advertência e multa até a interdição da atividade comercial responsável. O alvo da proposta é claro: os carros com aparelhagem de som super potente.

Aqui em Garanhuns já passou da hora de algum vereador apresentar uma lei semelhante.

Um comentário:

  1. Seria muita sorte nossa se isso acontecesse aqui...

    ResponderExcluir